VIVA INDICA - Bem-estar
28/08/2019   
Onde todas as belezas se encontram....
Por: Jorge Eduardo - Professor da FGV e Hair Designer
foto: Freepik

A concepção de beleza veio se modificando ao longo dos tempos e hoje a mulher se vê liberta para construir seu próprio entendimento e percepção do belo. A mulher se apropria e reconhece sua imagem. A beleza que ela busca está na delicadeza em realçar seus traços com harmonia e na sua forma contemporânea de ver a vida.

A supervalorização da beleza de forma integra a sociedade pela busca do perfeito. Mas, o que é perfeito? Não precisamos ter um modelo para seguir, e sim compreendermos os valores e os estímulos que provocam a percepção do ideal que diz respeito a nós mesmos.

Foi-se o tempo em que a indústria da beleza padronizava a figura da mulher. Neste sentido, os salões são a convergência de todas as belezas, onde cada uma é preservada e valorizada em sua singularidade. A beleza tornou-se um empoderamento no seu modo de ser e do seu bem-estar.

Por outro lado, vemos um movimento de pessoas insatisfeitas e preocupadas com a sua imagem criando um mundo de ilusões. Na ânsia de uma beleza inalcançável, manipulam as imagens por meio do photoshop e, como resultado disso, acabam por registrar outra existência que não é a delas, baseada em retoques. Como garantia de aceitação na sociedade, apagam as marcas do tempo e da vida que foi vivida e consequentemente, apagam o registro real da sua história.

A BELEZA NO MUNDO CORPORATIVO
No mundo corporativo, a beleza se amplia para outras dimensões. A importância da forma como o profissional se apresenta e se reconhece traduz-se em atitudes, comportamentos e resultados que vão além da estética, ou seja, a harmonia da beleza na empresa integra imagens e competências.

A ideia de diferentes expressões gera adversidades que transitam em uma sinergia coexistindo uma nova forma de se apresentar e de se comunicar no mesmo espaço. Isto permite o empoderamento que os profissionais depositam em sua imagem e na identidade da empresa, abrindo um canal para o mundo no intuito de perceber e assimilar o desenvolvimento e a mudança da sociedade como um todo. Dessa forma, concluímos que a beleza é o movimento em direção à harmonia, entre o que se apresenta e as suas possibilidades de transformações. Sendo assim, há de se falar em beleza na sua concepção plural, na qual todas as belezas se encontram e compõem um conjunto de imagens, comportamentos e atitudes que se reinventam através dos tempos.

As idiossincrasias da beleza pessoal e profissional criam uma conexão em que todas as expressões se encontram em suas variadas formas, cores e atitudes, prospectando melhor ambiência e nuances comportamentais. Ser ou estar belo nos tempos atuais tornou-se muito mais uma questão de atitude do que de padrões pré-definidos pela sociedade.

Top 5