GENTE
26/07/2019   
"É preciso ter coragem todos os dias"
Sueli sonha em participar de uma maratona em Berlim, na Alemanha
foto: Arquivo pessoal

Sueli Rocha de Souza, 66, é enfática: “a corrida melhora tudo em nossa vida, mas só é boa quando acaba”, diz aos risos. A modalidade esportiva foi responsável por uma reviravolta em sua vida. Ao receber o resultado de um exame de rotina, em 2015, a moradora de Alphaville teve um choque de realidade: estava pré-diabética. Apesar de ser adepta de exercícios físicos na academia do condomínio, Sueli decidiu incorporar ainda mais movimento em seu dia a dia com o objetivo de reverter o diagnóstico sem a ajuda de medicamentos. Assim, instalou um aplicativo de corrida em seu celular. Disciplinada, no ano seguinte completava sua primeira meia maratona, de 21 km. Gostou tanto que buscou ajuda profissional do personal 

Top 5