Articulista
Bel Pesce
Caderninho da Bel
Bel Pesce

Empreendedora e Fundadora da FazInova

27/07/2018
O futuro que já existe

Hoje em dia, um grande desafio para aqueles que são muito multidisciplinares é como se definir de forma rápida e clara. Dentre tantos assuntos que amo, e tantas coisas que busco aprender ao realizar diversos projetos, decidi me descrever como uma desbravadora do futuro que já existe.

Ao longo dos últimos 12 anos, tenho viajado o mundo com o intuito de identificar quais pessoas, empresas e comunidades já estão vivendo no futuro, seja em questão de comportamento, design ou tecnologia.

Durante centenas de viagens para mais de cinquenta países, mapeei quem está fazendo diferente - e tendo resultados interessantíssimos - no mundo de gestão, educação, saúde, logística, cidades sustentáveis, design de produto, varejo e diversos outros setores e segmentos.

Para mim, tão importante quanto aprender, é compartilhar o que aprendo de uma maneira que seja aplicável e relevante nesse mundo que não para de mudar.

Está cheio de gente por aí que estagnou e continua falando em Uber e Airbnb como exemplos superatuais de inovação. Sim, são exemplos. Mas mais batidos, impossível. Por outro lado, há os que estão viajando em um futuro totalmente hipotético, desenhando um mundo que nunca se tornou real - e que pode nunca virar real - e oferecendo conselhos como se essas hipóteses fossem certas.

Evitando esses dois extremos, e sempre querendo trazer algo útil para o agora, cheguei ao conceito do de O Futuro Que Já Existe. Para traduzir esse conceito em algo palpável, a FazINOVA está realizando eventos sobre o futuro que já existe em educação, gestão, cidades sustentáveis e vários outros setores. A cada mês, abordamos um segmento diferente.

Recentemente realizamos um evento sobre O Futuro Que Já Existe no mundo de educação e aprendizagem, mostrando exemplos de instituições que, de forma corajosa, já estão fazendo diferente hoje. É o caso da Minerva Schools, uma faculdade que mistura desafios complexos e reais de cidades ao redor do mundo com diversidade e entendimento cultural, para criar um currículo que desenvolve pensamento crítico neste mundo de incertezas. Já a 42 Silicon Valley foca em reinventar a forma como estudantes, sem professores, podem aprender a programar, completando o programa na sua própria velocidade. Conforme certos desafios de programação são realizados pelo aluno, ele é conectado com oportunidades de estágios em empresas cobiçadas por quem ama tecnologia.

Além de escolas e universidades, o mundo de aprendizagem e desenvolvimento pessoal se expandiu para incluir games como o Nintendo Labo, aplicativos como Headspace e até mesmo campanhas publicitárias como as do Burger King e Whooper Neutrality, que explicam o que é a neutralidade de rede.

Quer dar uma espiada no que já estamos desenvolvendo?Acesse www.ofuturoquejaexiste.com.br e vamos juntos desbravar esse mundo e aprender com quem está alcançando resultados agora.

foto: Divulgação

DICA DO MÊS:
Superando forças as forças invisíveis que ficam no caminho da verdadeira inspiração. Um mergulho extremamente rico na cultura de inovação da Pixar, o mais importante e lucrativo estúdio de animação da atualidade, com um importante foco em como errar faz parte de realmente crescer e fazer diferente.


Título: Criatividade S.A.
Autor: Ed Catmull
Editora: Rocco
Preço: R$ 39,50

*Preços pesquisados em junho de 2018

Outras Matérias
Outros Articulistas
Julho 2018
Silvio Santos vem aí!