Articulista
Bel Pesce
O Futuro que já existe
Bel Pesce

Empreendedora e Fundadora da FazInova

29/05/2019
Minimalismo digital - parte 3

Nos artigos anteriores, falei sobre o que é o conceito de minimalismo digital. Hoje, entraremos na terceira e última parte do tema, ainda compartilhando alguns dos aprendizados da aula de Brian Johnson somados à minha visão sobre o assunto.

Compartilho esses aprendizados porque foram úteis para mim e para o meu momento de vida. Verifique se também valem para seu momento atual. Aliás, é importante aplicarmos esse filtro em todas as áreas da nossa vida. Repetimos muitos padrões de comportamentos sem nem mesmo reparar nisso. É importante que esses padrões inconscientes sejam rompidos, para que você aja com intenção e atenção. Valorize seu tempo com hábitos e decisões positivas.

No que diz respeito à vida digital, infelizmente, há uma desordem de conteúdo e comportamental muito grande. Por exemplo: alguns perfis de redes sociais podem ser seguidos por pessoas que emanam baixa vibração para a vida de quem está sendo seguido. Ao mesmo tempo, podemos seguir alguém apenas por educação. Se o conteúdo transmitido por uma pessoa não faz sentido para você, a melhor saída é parar de consumi-lo. Não é nada pessoal. Aliás, nunca deveríamos levar nada para o lado pessoal, pois cada mente humana vive em um mundo diferente do nosso.

Os relacionamentos deveriam ser mais simples, mas, como às vezes sentimos receio de magoar, ou necessidade de agradar os outros, acabamos transbordando uma vida digital sem propósito.

O mundo digital está cheio de bolhas comportamentais, positivas e negativas. A bolha negativa é o mundo paralelo, de fofocas e brigas. O mercado de fofocas realmente existe. Há, de fato, demanda para isso. O problema é que o indivíduo que consome esse tipo de conteúdo está emanando a mesma vibração para outras pessoas e para o mundo. Essas teorias de conspirações, brigas e fofocas causam verdadeira bagunça, e a verdade é que ninguém sabe o que realmente se passa com o outro. Gostar desse tipo de conteúdo traz uma vibração muito baixa para a vida, pois você passa a viver tal realidade.

Escolha viver em uma bolha que seja positiva e cheia de amor, pois o que você permite entrar na sua mente e no seu coração é a sua verdade. E, para quem der voz, é para quem dará o poder para entrar na sua vida. O conceito minimalista pode ser aplicado também no seu meio físico, na sua vida offline. Isso vai desde a forma como organiza a sua agenda de reuniões do dia até a quantidade de objetos que guarda em sua casa. Tudo o que passar com você, use como ferramenta para desenvolver autoconhecimento. Imagine que todas as experiências que vive são feitas especialmente para você tirar os melhores aprendizados, sempre.

foto: Divulgação

DICA DO MÊS:
Os ensinamentos do livro são transmitidos por meio de uma conversa entre um jovem e um filósofo que se inspira nas ideias de Alfred Adler, psicólogo austríaco fundador da psicologia do desenvolvimento individual. Ao final da leitura, é inevitável que você, assim como o jovem, desperte para uma nova maneira de se relacionar com você mesmo, com os outros e com a vida.

Título: A Coragem de Não Agradar
Autor: Ichiro Kishimi e Fumitake Koga
Editora: Sextan te
Preço: R$ 31,90

*Preços pesquisados em abril de 2019

Outras Matérias
Outros Articulistas
Agosto 2019
À frente de seu tempo - Entrevista exclusiva, José Salibi Neto