Articulista
Bel Pesce
O Futuro que já existe
Bel Pesce

Empreendedora e Fundadora da FazInova

26/04/2019
Minimalismo digital - parte 2

No artigo anterior falei sobre a nossa relação com o mundo digital e abordei o conceito do minimalismo digital. Por ser um assunto com muito conteúdo e cheio de teorias, hoje trago aqui uma segunda parte do tema com meus aprendizados.

Você pode não perceber, mas a vida digital afeta suas emoções e dispara gatilhos que o fazem querer voltar com frequência para um determinado aplicativo. Por exemplo, o simples fato de alguém o “taguear” em uma foto significa que, muito provavelmente, aquela pessoa se lembrou de você. E isso o deixará feliz. Uma vez que é você o próprio produto do negócio, é a sua imagem que precisa ser vendida para os outros. Dessa forma, o ciclo nunca se acaba e será sempre alimentado. Isso não é necessariamente ruim, mas é importante entender que, ou você impõe um limite, ou simplesmente nunca existirão limites.

Se não houver organização e limpeza na sua vida digital, ela o irá engolir, pois foi criada e desenhada para tal. Que tipo de seleção você usa quando interage no mundo virtual? Qual a sua intenção ao fazer uso desses dispositivos? Precisamos fazer escolhas no mundo online da mesma forma que fazemos no mundo offline, nosso mundo real. Essas escolhas precisam estar alinhadas com o que traz valor para a sua vida.

Se sua vida digital tomar todo o seu tempo, você não conseguirá viver a sua solitude, o seu estado de privacidade e de reflexão. E esse é um momento sumamente importante na vida de qualquer pessoa e a falta desse isolamento pode causar efeitos colaterais, como a ansiedade.

Em outro extremo, nunca se falou tanto em práticas que conectam o ser humano com seu interior, como a meditação e yoga. Autoconhecer-se e procurar respostas dentro de si sempre será o melhor caminho a seguir. Se você não está bem no seu interior como estará bem no seu exterior? O mundo digital é o exterior, por isso é preciso saber se proteger.

Entenda qual é o seu momento de vida e o que é importante para você. Se determinados conteúdos não ressonam em sua vida agora, deixe de consumilos. Milhões de coisas acontecem no mundo digital todos os dias, e é humanamente impossível conseguir acompanhar tudo. O problema dessa desordem de conteúdo é que as pessoas sentem desespero ao pensar que estão "perdendo" algo que está acontecendo. Às vezes, seguir menos conteúdos e visitar determinados perfis apenas quando sentir realmente vontade de fazer isso é uma ação muito mais positiva do que seguir milhões de coisas ao mesmo tempo.

Tudo o que você faz com intenção positiva volta de forma positiva para a sua vida. Cuide de sua vida digital e a organize do mesmo modo que você faz com sua própria casa, afinal, você não vai querer receber visitas de má energia no seu lar.

foto: Divulgação

DICA DO MÊS
Com base em mais de 12 anos de pesquisas, o filósofo e historiador Roman Krznaric nos leva a uma jornada através dos séculos para mostrar por que a empatia é uma qualidade essencial e transformadora que devemos desenvolver, ensinando, ao mesmo tempo, como é simples praticá-la. Um antídoto poderoso para estes tempos de individualismo e ferramenta eficaz para uma vida melhor.

Título: O Poder da Empatia
Autor: Roman Krznaric
Editora: Zahar
Preço: R$ 34,90

* Preços pesquisados em março de 2019

Outras Matérias
Outros Articulistas
Abril 2019
Mônica Salgado - Uma família de verdade