SOCIAL
08/06/2017   
Conselho de Desenvolvimento Metropolitano elege João Dória para presidente e Elvis Cezar vice
Evento realizado na Praça das Artes que elegeu João Dória como Presidente do Conselho de Desenvolvimento Metropolitano e Elvis Cezar como vice-presidente
foto: Divulgação

O prefeito da cidade de São Paulo João Dória foi eleito na manhã desta segunda-feira, 5 de junho, presidente do Conselho de desenvolvimento da Região Metropolitana de São Paulo, ocupando o posto que era do prefeito do município de Santana de Parnaíba Elvis Cezar, que foi eleito pela maioria dos 39 municípios para assumir a vice-presidência do conselho para o novo mandato.

Em evento realizado na Praça das Artes na cidade de São Paulo, a mesa diretora foi composta por Clodoaldo Pelissioni Secretário Estadual dos Transportes Metropolitanos, Julio Semeghini Neto Secretário de Governo do Município de São Paulo, Samuel Moreira Secretário da Casa Civil do Governo do Estado, Edmur Mesquita Subsecretário de Assuntos Metropolitanos, Luiz José Pedretti Presidente da Emplasa, Elvis Cezar atual vice-presidente do Conselho e o novo presidente João Doria.

Com grande apoio dos prefeitos das regiões Oeste, Norte e Sudoeste, Elvis Cezar conquistou os votos da maioria dos 39 municípios da Região Metropolitana de São Paulo que compõem o conselho, superando Paulo Serra, prefeito de Santo André.

O Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de São Paulo tem como principal objetivo a implementação de políticas públicas regionais e projetos integrados entre os diversos setoriais e os três níveis de governo, visando assegurar a competitividade do território, reduzir as desigualdades sociais e melhorar a qualidade de vida de sua população.

A Região Metropolitana de São Paulo concentra 39 municípios e é o maior polo de riqueza nacional. Criada em 1973, foi reorganizada em 2011. Seu Produto Interno Bruto (PIB) corresponde a cerca de 18% do total brasileiro e mais da metade do PIB paulista (55,47%). Vivem nesse território quase 50% da população estadual, chegando a 22 milhões de habitantes.

Texto: João Guerra

Top 5